Ilhas do mar

sexta-feira, maio 12, 2006

Golfinhos

Baía de São Roque


Greenpeace: Vida marinha dos Açores é das melhor preservadas. A organização ambientalista Greenpeace, que terminou hoje uma expedição de três semanas nos mares dos Açores, afirmou que o arquipélago constitui um dos pontos do mundo onde a vida marinha está mais bem preservada.

«Pelas várias expedições em que participei, posso garantir que começam a ser poucos os locais no mundo tão bem preservados», salientou o activista Richard Page à agência Lusa, a bordo do navio «MY Esperanza», atracado no porto de Ponta Delgada.

Para o ambientalista, ligado à Geenpreace há 13 anos, os Açores «têm muita sorte» em manter as suas comunidades piscícolas, assim como os corais de profundidade e a flora marinha em «bom estado».

O arquipélago constitui «um exemplo mundial» ao nível da protecção da vida marinha, considerou o membro da associação ambientalista, que destacou recentes medidas de protecção dos fundos marinhos.

«Parece-me que o governo açoriano tem sido muito sensível à preservação do fundo do mar das ilhas, através da criação de legislação«, afirmou Richard Page, para quem »em boa hora« as autoridades proibiram o uso das redes de arrasto na região.

Durante a expedição nos Açores, inserida no âmbito do programa Defending Our Oceans (Defendendo os Nossos Oceanos), os activistas da Greenpeace, em colaboração com elementos do Fundo Internacional para o Bem-Estar Animal e investigadores da Universidade dos Açores (DOP), efectuaram vários mergulhos para captar fotografias e vídeos.

Segundo disse, a bordo do MY Esperanza, um dos três barcos da Greenpeace, seguiram 34 pessoas, 20 tripulantes (dos quais dois investigadores do DOP) e 14 activistas, com o objectivo de demonstrar ao mundo a importância da preservação marinha.

Ao longo das três semanas, visitaram vários locais dos mares do arquipélago, entre os quais o ilhéu das Formigas (junto a Santa Maria) e o Banco D. João de Castro (junto a Terceira), para estudar a acústica dos mamíferos e captar imagens »já disponíveis no site da Greenpeace«, disse.

Diário Digital / Lusa
12-05-2006 17:19:00

5 Comments:

Enviar um comentário

<< Home